Ampara cria Comissão Temática de Proteção e Defesa Civil

A assinatura do documento que formaliza a entidade aconteceu na tarde de quinta-feira, 19
Publicado em 20/08/2021 11:02 | Atualizado em 20/08/2021 11:22 Off
Por Alan Júnior

Para que as cidades da região, através de suas Defesas Civis, estejam com planejamento, articulação e coordenações mobilizadas e sintonizadas em ações de proteção e defesa da vida, a Associação dos Municípios do Vale do Paranhana (Ampara) instituiu a Comissão Temática de Proteção e Defesa Civil. A assinatura do documento que formaliza a entidade aconteceu na tarde de quinta-feira, 19, pelo prefeito de Parobé e presidente da Ampara Diego Picucha, durante a 147ª Sessão de Capacitação e Planejamento, que aconteceu em Parobé.

Ainda durante o evento, Picucha assinou o decreto que cria o Núcleo de Atuação para Ações de Proteção e Defesa Civil em Parobé. Segundo o presidente da Ampara, é fundamental que esses núcleos municipais de defesa civil da região estejam em sintonia e preparados para situações que exigem ações conjuntas.

“A Defesa Civil é um órgão fundamental para prevenir e socorrer pessoas das situações de desastres. Esse é um trabalho que inicia já no planejamento, com ações como o mapeamento das áreas de risco, a localização e constatação de situações que possam culminar em desastres ou acidentes, entre muitas outras. Com essa articulação regional, poderemos trabalhar conjuntamente em ações preventivas para evitar que esses desastres aconteçam e, se acontecerem, que eles causem o mínimo de danos às pessoas e ao meio ambiente, prontamente socorrendo e minimizando os efeitos causados até a completa estabilização da normalidade”, explica Picucha

Quem auxiliou na criação da Comissão Temática de Proteção e Defesa Civil foi o Coordenador voluntário da Oficina Regional de Defesa Civil do Vale do Paranhana, Alto Sinos e Região das Hortênsias, Cel. da reserva da Brigada Cláudio Rocha, uma vez que o órgão regional poderá promove a cooperação e integração entre a Defesa Civil de cada um dos municípios da Ampara para auxílio mútuo e também para qualificação dos seus corpos técnicos.

>> Deixe sua opinião: