Congresso técnico define regras para o Campeonato Varzeano de Taquara

Competição inicia neste domingo (17), e reúne 12 equipes
Publicado em 15/10/2021 09:57 Off
Por Alan Júnior
Foto: Divulgação

Ocorreu nesta quarta-feira (13), o congresso técnico para a definição do regulamento da próxima edição do Campeonato Municipal Varzeano de Futebol de Taquara, que inicia no próximo domingo (17). O encontro teve a participação do diretor de Esportes, Joel Dutra, do secretário de Orçamento e Finanças, Jefferson Allan Müller, e de representantes das 12 equipes inscritas para o torneio.

Na reunião, foram repassadas algumas informações sobre o campeonato, como o regulamento, calendário de jogos, sorteio dos grupos e sedes das partidas.  A expectativa é que o torneio ocorra em seis finais de semana, com a decisão prevista para o dia 28 de novembro. Os jogos serão realizados nos campos do Santos, no Bairro Santa Teresinha, do Vila Nova, no Bairro Santa Maria, e no campo do Taquarense, no Bairro Centro. Os 12 times estarão divididos em três grupos com quatro times. Os dois primeiros de cada chave, mais os dois melhores terceiros avançam às quartas de final, que será em partidas eliminatórias até a final.

O diretor conta que as expectativas para a competição são as melhores possíveis, reforçando que em 2021 o torneio está de volta, já que no ano passado não houve o certame devido a pandemia da Covid-19. “A comunidade estava ávida para a oportunidade de retorno do Campeonato Municipal”, ressalta, lembrando que este é um dos torneios de futebol mais tradicionais da região. “É um compromisso da nossa gestão, em estar incentivando o esporte no nosso Município, e neste ano de retomada dos eventos, o Varzeano de Futebol não poderia ficar de fora”, completa. 

Protocolos de prevenção ao coronavírus

Será permitida a presença do público em geral no campeonato, desde que a ocupação não ultrapasse 25% da capacidade total prevista no Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (PPCI). Além disso, a torcida presente deve comprovar ter tomado pelo menos uma dose da vacina contra a Covid-19.
Também por conta da pandemia, serão menos atletas à disposição por equipe, como uma solução para diminuir a circulação de pessoas nos campos. “Teremos todos os cuidados necessários para que dentro dos protocolos de segurança estabelecidos pelo Estado, possamos realizar um belo campeonato”, reforça Joel.

>> Deixe sua opinião: