Executivo de Parobé apresenta aos vereadores seu projeto de iluminação de LED para todo o município

Primeira fase do projeto de troca das lâmpadas atuais pelas de LED deverá ter início nos próximos dias
Publicado em 26/07/2021 15:42 Off
Por Cleusa Silva
Foto: Divulgação/Prefeitura de Parobé

Seguindo com seu propósito de tornar o município cada vez mais econômico seguro e sustentável, o Executivo de Parobé apresentou aos vereadores da cidade um projeto inovador, referente a implantação de iluminação pública em LED em 100% do município.

Durante o encontro, o prefeito Diego Picucha e a secretária de Planejamento, Josiane da Rosa, juntamente com sua equipe técnica, apresentaram ainda dois outros projetos, que também integram o programa “Parobé Pra Frente”, como parte do eixo “Comunidade Mais Segura”, e que também vem sendo desenvolvidos pela prefeitura: o da construção de uma usina de energia solar capaz de atender a demanda de todos os prédios públicos do município e da iluminação pública da cidade, bem como a ampliação do sistema de videomonitoramento da cidade que é efetuado pela BM, com a ampliação dos atuais seis para 30 pontos de videomonitoramento, perfazendo o cercamento eletrônico da cidade.

Segundo o prefeito de Parobé, o projeto técnico que contempla a substituição da iluminação pública atual por lâmpadas de LED tem com o objetivo reduzir o consumo energético do sistema de iluminação pública no município, substituindo lâmpadas de baixo rendimento como vapor de sódio, vapor metálico e mistas por luminárias LED de alto rendimento, além de proporcionar maior luminância as vias.

“Foram mapeados 7.414 pontos em toda a cidade, na área urbana e no interior, entre pontos de luz que serão substituídos e outros que serão implantados. O projeto está orçado em cerca de R$ 10 milhões de financiamento que está sendo pleiteado via BRDE, incluindo ainda no projeto a iluminação da ERS 239 em todo o trecho que cruza pelo nosso município”, explica Picucha.

Conforme o Executivo de Parobé, com a economia de mais de 50% nos custos que o novo sistema proporcionará, o financiamento poderá ser pago em cerca de 100 meses.

“Geraremos uma economia mensal de cerca de 100 mil reais com a implantação do LED. Além disso, com nosso outro projeto em desenvolvimento, o da implantação de uma usina de energia solar, poderemos atender a demanda de consumo de todos os prédios públicos e da iluminação pública. São ações que englobam o que há de mais moderno em termos de eficiência energética, nos auxiliam a economizar preciosos recursos que poderão ser investidos em outras áreas em benefício da nossa comunidade”, define o prefeito de Parobé.

Projeto piloto já tem início nos próximos dias

A primeira fase do projeto de troca das lâmpadas atuais pelas de LED já tem início nos próximos dias, com a substituição da iluminação da Avenida Artuino Arsand, via que ainda passará por uma verdadeira revitalização paisagística.

“Vamos revitalizar esse ponto de acesso da cidade nas próximas semanas e a comunidade já poderá constatar o impacto que o projeto como um todo poderá ter em nossa cidade, trazendo mais beleza, segurança e sustentabilidade para a nossa Parobé”, explica Picucha.

>> Deixe sua opinião: