Geral
  TRATAMENTO DE FERIDAS

Farmacêutica de Igrejinha irá apresentar projeto na mostra nacional em Mato Grosso do Sul

Apresentação ocorrerá na tarde desta terça-feira (12)
Foto: Divulgação/Secretaria de Saúde de Igrejinha

Pela primeira vez, a Secretaria de Saúde de Igrejinha está sendo representada em um congresso de saúde de âmbito nacional. A farmacêutica Rebeca A. V. Schuck está em Campo Grande, no Mato Grosso, para apresentar o projeto de feridas crônicas na atenção básica no município de Igrejinha, que está sendo desenvolvido desde 2021.

Conforme a secretaria de Saúde de Igrejinha, indicadores de saúde estimam aumento dos atendimentos nos serviços de saúde por causa de Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT), além da prevalência de sobrepeso, obesidade e tabagismo, que estão ligados ao aumento do risco de outras patologias associadas como hipertensão, diabetes, e consequentemente, feridas crônicas.

Em Igrejinha, pacientes com feridas crônicas são atendidos conforme os critérios estabelecidos pelo Manual de Avaliação e Tratamento de Feridas, desenvolvido pelas farmacêuticas da farmácia municipal e profissionais de Enfermagem da Secretaria de Saúde.

Cada paciente avaliado para participar do grupo de pessoas com feridas crônicas recebe o tratamento integral para sua ferida, desde os manipulados a curativos ambulatoriais ou a domicílio, em que o material é totalmente fornecido pela Secretaria de Saúde.

A apresentação do projeto da farmacêutica Rebeca A. V. Schuck ,de Igrejinha será na tarde desta terça-feira (12).