Moradores de Parobé e Igrejinha são presos em Três Coroas com 8,5 mil carteiras de cigarros contrabandeados

Os acusados possuem antecedentes por porte ilegal de arma, roubos e homicídio consumado, jogos de azar, furtos, estelionato e tráfico de drogas, além de um deles estar usando tornozeleira eletrônica.
Publicado em 12/11/2021 08:19 | Atualizado em 12/11/2021 18:24 Off
Por Rádio Taquara
Foto: Divulgação/Brigada Militar

Na tarde de quinta-feira (11), a Brigada Militar (BM) de Três Coroas prendeu três homens com 8,5 mil carteiras de cigarros contrabandeados. Por volta de 15h, a polícia recebeu uma denúncia anônima, via 190, sobre uma entrega de produtos de contrabando/descaminho de cigarros, oriundos do Paraguai, e que seriam entregues em uma casa no bairro Sander.

Conforme características dos veículos que estariam envolvidos, os policiais realizaram patrulhamento no bairro e visualizaram os dois veículos, uma camionete Amarok, com placas de Parobé, e uma Ecoesport, com placas de Sapiranga.

No momento da abordagem, os dois veículos estavam sendo descarregados e três homens desembarcavam caixas de papelão, com uma marca de cigarro.

Conforme a BM, ao todo foram apreendidas 8.500 carteiras cigarros, de diversas marcas, sem procedência, oriundos de contrabando. Também foi encontrado com os autores um alto valor em dinheiro e cheques, e recibos, além de blocos de anotação da comercialização do material ilícito.

Os três autores, com vasta ficha por diversos crimes, um inclusive já preso com cigarro contrabandeado em 2013, foram presos em flagrante e apresentados na Delegacia da Policia Federal em Porto Alegre.

Um dos homens, de 42 anos, de Parobé, também possui antecedentes por porte ilegal de arma de fogo, roubos e homicídio consumado. O outro, morador de Igrejinha, de 45 anos, possui antecedentes por jogos de azar, e furtos. O terceiro envolvido, de 52 anos, possui antecedentes por furto, roubo, estelionato, porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e jogos de azar, além de ser apenado do sistema prisional, com uso de tornozeleira eletrônica.

>> Deixe sua opinião: