Prefeita de Taquara anuncia escola de educação infantil para o bairro Cruzeiro do Sul

Educandário atenderá cerca de 80 crianças em turno integral a partir de 2022.
Publicado em 30/11/2021 15:12 Off
Por Alan Júnior

Prefeita, secretários e vereadores visitaram o imóvel na manhã desta terça-feira.

Fotos: Cris Vargas/Prefeitura de Taquara

As famílias do Cruzeiro do Sul com crianças de 4 meses até os 3 anos e 11 meses terão uma escola municipal de educação infantil em turno integral no bairro a partir de 2022. Na manhã desta terça-feira (30), a prefeita Sirlei Silveira, juntamente com secretários e vereadores da base de governo, anunciou o local onde a Emei ficará instalada, na Rua Treze de Maio, em um imóvel de 250 metros quadrados de área construída.

O investimento de R$ 450.000,00 foi pago à vista através de recursos via Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). “Para nós, é uma alegria imensa anunciar mais uma conquista para um bairro que estava carente deste serviço. A Educação foi a área em que mais investimos neste ano, com aplicação de quase R$ 8,5 milhões em compra de escolas, materiais pedagógicos e tecnológicos e melhorias em infraestrutura, como reformas e construção de três ginásios poliesportivos”, destacou a prefeita Sirlei Silveira.

Atendimentos em 2022

Os atendimentos iniciam em 2022 e terão prioridade os moradores que aguardam na fila de espera da central de vagas da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes (Smece). Também serão beneficiadas as famílias que residem no Cruzeiro e que hoje utilizam Emeis de outros bairros. “Este é um pedido da comunidade há muito tempo e que nos alegra em atender”, reforçou a prefeita. A escola poderá ter cinco turmas, atendendo cerca de 80 crianças.

Os vereadores Adalberto Soares, Beto Lemos, Carmem Fontoura, Dodô Mello, Elias Rodrigues, Jorginho Almeida e Júnior Eltz acompanharam uma visita ao imóvel, assim como os secretários de Educação, Carla Silveira, de Orçamento, Jefferson Müller, e de Planejamento, Meio Ambiente e Captação de Recursos, Luciano Campana. “O vereador Marcelo Maciel teve um compromisso e não pôde estar presente, mas, assim como os vereadores da base, também é parte desta conquista para a comunidade”, ressaltou Sirlei.

Metodologia italiana

Assim como as demais Emeis, a escola de educação infantil do Cruzeiro também terá como proposta pedagógica a metodologia Reggio Emilia, que foi criada em uma região de mesmo nome no norte da Itália. Após a Segunda Guerra Mundial, as famílias que viviam na localidade de Reggio Emilia colaboraram com os educadores para o desenvolvimento de um sistema público único de educação infantil. Hoje, esta proposta é considerada uma referência mundial na abordagem para as crianças. “Cada espaço organizado e planejado na escola terá a intencionalidade de desenvolver a aprendizagem dos alunos, mas também de acolher as famílias, em um projeto que busca um trabalho coletivo, onde a escola se torna um espaço de ampliação de possibilidades e de diferentes repertórios culturais, para adultos e crianças”, reforçou Carla.