Geral
  EDUCAÇÃO INFANTIL

Prefeita de Taquara faz um balanço das mais recentes conquistas na Educação Infantil

Três novas escolas foram inauguradas, uma na região rural e duas na urbana
Fotos: Cris Vargas/Prefeitura de Taquara

Atuando grande parte de sua vida como professora e diretora na rede pública, a prefeita de Taquara, Sirlei Silveira, fez um balanço das mais recentes conquistas na Educação Infantil do Município, realizados em menos de um ano e meio, período em que está à frente ao Governo Municipal.

“Os primeiros anos de vida são importantíssimos para o aprendizado e a formação dos valores morais e de caráter do ser humano. O ensino precisa mergulhar no lúdico, no mundo dos brinquedos educativos, mas também necessita ter a conexão entre escola e pais. Todos somos responsáveis pelo sucesso na educação”, analisa a prefeita Sirlei.

Conforme a prefeitura de Taquara, neste período foram inauguradas três novas escolas, as Emeis Vovó Celita, em Pega Fogo; Vovô Benjamin, no bairro Eldorado; e Professora Rosana Cardoso, no bairro Cruzeiro do Sul. Também houve a aquisição de uma sede própria para a Emei Vera Marks Iribarry, no bairro Petrópolis;, a mudança de local da Emei Vovó Mina, no Distrito de Padilha e a municipalização das Emeis Vovó Arlete, no bairro Mundo Novo; Tia Paty, no bairro Santa Rosa e Leonel de Moura Brizola, no bairro Empresa.

A administração municipal também criou a Lei de Gestão Financeira (LGF), que busca dar autonomia às instituições de ensino da rede municipal, somente no ano passado cerca de R$ 2,6 milhões foram repassados às escolas, além de contratar zeladores para as Emeis, sendo a primeira vez que o Município passa a contar com este tipo de serviço.

Considerada uma referência mundial na abordagem para as crianças, a metodologia de ensino Reggio Emilia passou a ser utilizada em todas as escolas de Educação Infantil do Município.

“Os professores observam as crianças, tendo uma escuta sensível, e planejam intencionalmente vários espaços para estimular as experiências dos alunos, tornando a aprendizagem significativa”, explica Andréia Reis, diretora da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes (Smece) de Taquara.

A Smece comemora também aquisições que contemplam a compra de materiais pedagógicos e brinquedos para todas as escolas, investimentos em pesquisas e formações continuadas.

A Educação Infantil do Município possui 14 escolas específicas, que atendem crianças de zero a três anos e 11 meses de idade, e escolas de Educação Fundamental, que atendem na pré-escola, crianças de quatro e cinco anos.

São 2160 alunos matriculados na rede de Educação Infantil municipal. O atendimento é em período integral, das 6h30min às 18h30min e os alunos recebem quatro alimentações diárias, que são supervisionadas por nutricionistas da secretaria de Educação.

“Hoje todas as Emefs atendem crianças nesta faixa etária, foi uma articulação feita de 2021 para 2022 estabelecido no planejamento de zerar a lista de espera e também de cumprir a obrigatoriedade da matrícula a partir dos quatro anos de idade”, reitera a secretária de Educação, Carla Silveira.

De acordo com a Smece, de 2021 pra cá mais de 150 novas vagas foram abertas nas Emeis e aproximadamente 108 crianças aguardam na fila de espera. E em algumas escolas ainda há vagas, dependendo a faixa etária e a demanda.