Geral
  TAQUARA EM OBRAS

Prefeitura de Taquara anuncia que obras do Complexo Municipal de Saúde terão início nos próximos dias

Segunda etapa do restauro e modernização do Museu Municipal Adelmo Trott, junto à Casa Vidal, terá o seu lançamento em maio
Imagem: Divulgação/arquiteta Thayomara Magalhães

Comemorando os resultados de um intenso trabalho para a captação de recursos federais e estaduais, para serem investidos no Município, a prefeitura de Taquara anunciou, na manhã desta terça-feira (19), que as obras do Complexo Municipal de Saúde terão início nos próximos dias.



“Comemoramos com muita alegria cada anúncio que recebemos dos projetos aprovados e recursos conquistados. Levamos muito a sério a confiança da população e estamos honrando cada dia, trabalhando com dedicação, com o único propósito de desenvolver Taquara nas mais diversas áreas”, menciona Sirlei Silveira, prefeita de Taquara.

Conforme o cronograma da administração municipal, a primeira obra prevista para iniciar, com R$ 2,4 milhões captados pelo Avançar na Saúde, é a construção do Complexo Municipal de Saúde, no local onde ficaria a UPA.

A estrutura, localizada na avenida Sebastião Amoretti, terá um espaço com cerca de 1,5 mil m² e que abrigará o Pronto Atendimento, a Saúde da Mulher, a odontologia e a fisioterapia, que hoje estão na Unidade de Saúde Darcy Ribeiro, além de um Centro de Especialidades Médicas.

O Complexo Municipal de Saúde também deverá receber o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que está em um prédio alugado pelo Município, além de três Estratégias de Saúde da Família, que serão referência para cerca de 11 mil moradores.

Foto: Cris Vargas/Prefeitura de Taquara

Mais recursos na conta

De acordo com a prefeitura de Taquara, com o valor estimado em mais de R$ 3,5 milhões de investimento, dentre as obras já previstas e com parte dos valores em conta, está o restauro e modernização do Museu Municipal Adelmo Trott, junto à Casa Vidal, que terá o seu lançamento em maio, junto com a segunda etapa da revitalização do prédio histórico, que soma mais R$ 1 milhão pela Lei de Incentivo à Cultura (LIC). O processo aguarda a efetivação dos processos licitatórios para o início da obra.

A implementação do projeto Roteiro de Cicloturismo “Caminhos da Serra Velha”, pelo qual Taquara foi contemplada com R$ 609.177,74, também já tem 30% dos recursos creditados aos cofres públicos. O projeto está em fase de licitação e permitirá a implementação de placas de sinalização turística e de trânsito e o reassentamento de paralelepípedos na Rua Pinheiro Machado.

Um dos principais locais de lazer, o Parque do Trabalhador, também receberá investimentos de mais de R$ 1,7 milhão nos próximos meses para melhorias em sua infraestrutura. Serão construídas duas novas quadras esportivas, uma poliesportiva e uma de grama sintética, e instalado um sistema de iluminação da área para proporcionar maior conforto e segurança à comunidade.

Também está previsto para os próximos meses o recapeamento asfáltico das ruas Federação, Tristão Monteiro e Marechal Floriano, três vias centrais do Município que há muito tempo aguardam alguma intervenção. Em vias de análise, o projeto chega a quase R$ 5 milhões.

E em breve também serão anunciados como a construção de um poço artesiano no Distrito de Santa Cruz da Concórdia, aquisição de novos veículos e equipamentos para a agricultura como tratores, roçadeiras e implementos agrícolas, além da compra de veículo para a Secretaria de Saúde, caminhões, retroescavadeiras, cavalo mecânico, motoniveladora para a Secretaria de Obras.

“Com o pé no chão e com transparência. Assim, vamos dando conta do Município que este mês completa 136 anos de emancipação política, cidade mãe de vários municípios do Vale do Paranhana, Vale dos Sinos e da Serra, que muito estava apagada. Chegamos com um novo olhar, para fazer brilhar este lugar que chamamos de nosso lar”, comemora a prefeita de Taquara.