Produtores rurais de Rolante participam de palestra sobre manejo integrado de pragas

Foram abordados temas como a importância do monitoramento de lavoura para diagnosticar precocemente a praga
Publicado em 06/07/2021 16:54 Off
Por Cleusa Silva
Foto: Divulgação/Emater Rolante

Com o objetivo de orientar os produtores rurais de Rolante sobre formas para combater as pragas que costumam atingir suas plantações, a Emater de Rolante, a Secretaria Municipal de Agricultura e o Sindicato dos Trabalhadores na Agricultura Familiar (STAF) Rolante/Riozinho promoveram uma palestra com o tema “Enfezamento da Cigarrinha do Milho”.

Durante o encontro, ocorrido na manhã de terça-feira (06), no espaço de eventos da Associação Esportiva Farroupilha, os engenheiros agrônomos Guilherme Martins Costa, da Emater/RS, e Victor Hugo P. Ferreira, do STAF Rolante, passaram orientações quanto ao manejo integrado de pragas, dentre as quais a escolha adequada de cultivares de milho com resistência à cigarrinha e outros aspectos importantes a serem observados na semente do milho.

Também foram abordados temas como a importância do monitoramento de lavoura para diagnosticar precocemente a praga, e realizar o tratamento das sementes, o controle do enfezamento da cigarrinha com inseticidas biológicos e ou químicos, na fase inicial da cultura (até 40 dias após a emergência aonde a aplicação dos inseticidas e ou produtos biológicos têm melhor efeito e diminui os danos na lavoura), além dos cuidados com o solo e a água, como fazer rotação de cultura, cuidar da acidez do solo e fazer uma adubação adequada.

“Todo o trabalho de acompanhamento e orientação é fundamental para nossos produtores rurais. A Secretaria de Agricultura está sempre à disposição para trabalhar em parceria com a Emater e com o Sindicato para podermos proporcionar momentos como este aos nossos agricultores que precisam estar constantemente se atualizando de novas técnicas e manejo das lavouras”, salienta o secretário da Agricultura, Jair Silva.

Foto: Divulgação/Emater Rolante
>> Deixe sua opinião: