Representantes de Parobé participam de reunião em Porto Alegre para tentar evitar corte de recursos à saúde

Participaram do encontro o prefeito Diego Picucha, a secretária municipal de Saúde, Ana Elisa de Lima e o diretor administrativo do hospital de Parobé, João Schmitt.
Publicado em 25/11/2021 15:03 | Atualizado em 26/11/2021 08:45 Off
Por Alan Júnior
Imgem: Frame de vídeo/Prefeitura de Parobé

O prefeito de Parobé e presidente da Associação dos Municípios do Vale do Paranhana (Ampara), Diego Picucha, juntamente com o diretor administrativo do Hospital São Francisco de Assis (HSFA), João Schimitt, e a secretária da Saúde de Parobé, Ana Elisa de lima, participou nesta quarta-feira (24), em Porto Alegre, do lançamento da Comissão de Representação Externa da Assembleia Legislativa. A comissão foi criada para tratar sobre o Programa Assistir.

Os representantes parobeenses estão mobilizados – juntamente com outros prefeitos – para evitar que sejam implementados cortes de recursos por parte do Estado para as casas de saúde da região.

A nova sistemática de distribuição de incentivos hospitalares proposta pelo programa Assistir, do Governo Estadual, pode causar um impacto negativo de mais de R$ 10 milhões na região do Vale do Paranhana. Conforme os parobeenses, isso levaria ao encerramento de vários serviços essenciais de saúde, como a realização de partos no Hospital São Francisco de Assis.

>> Deixe sua opinião: