Senac Taquara informa benefícios da massagem para o controle da ansiedade, para a saúde física e mental 

Tanto a massagem relaxante quanto a terapêutica são capazes de reduzir a ansiedade, segundo a massagista Ellen Busmann
Publicado em 29/07/2021 14:29 | Atualizado em 29/07/2021 14:40 Off
Por Alan Júnior
Foto: Divulgação/Senac-RS

Em 2019, a Organização Mundial da Saúde (OMS) considerou o Brasil como o país mais ansioso do mundo. Eram 18,6 milhões de pessoas com esse transtorno, ou seja, cerca de 9,3% da população. A pandemia, claro, piorou esse quadro e uma pesquisa feita pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) nos meses de maio, junho e julho de 2020 revelou que 80% dos brasileiros tornaram-se mais ansiosos com a guerra contra a Covid-19 no mundo.

O cuidado com a saúde mental é tão importante quanto a atenção com o corpo. Por isso, a docente e massagista do Senac Taquara, Ellen Busmann, notou que cresceu muito a procura por massagens justamente para auxiliar no controle da ansiedade, estresse e insônia. “A massagem ajuda muito, pois o toque traz uma sensação de carinho que é capaz de aumentar hormônios como dopamina e serotonina, responsáveis pelo nosso bem-estar. Ajuda também a diminuir os níveis de cortisol, hormônio do estresse”, conta Ellen. 

Segundo a especialista, são cinco os benefícios da massagem para combater a ansiedade: 

1- Reduz os níveis de cortisol, o hormônio responsável pelo estresse e pela ansiedade. 

2- Ajuda a atingir estado de repouso. 

3- Diminui a tensão muscular. 

4- Aumenta o nível de dopamina e serotonina, responsáveis pela sensação de felicidade e bem-estar. 

5- Regula a respiração e a circulação sanguínea. 

“Tanto a massagem relaxante quanto a massagem terapêutica são capazes de reduzir a ansiedade. Se o paciente não apresenta nenhuma dor ou tensão muscular opte pela relaxante”, aconselha Ellen, que destaca que a massagem pode utilizar diversos acessórios como as pedras quentes, bambus, ventosas e outros tantos recursos. “Também podemos colocar óleo essencial no creme de massagem. O profissional com conhecimento sabe qual óleo pode ajudar, pois são diversos e cada um tem um objetivo: relaxamento, alívio de dores e/ou tratamentos estéticos”, explica. 

Por isso, Ellen enfatiza a importância na escolha do profissional. “Na hora de optar por um massagista, o ideal é fazer uma pesquisa primeiro, buscar as recomendações do profissional, as avaliações e o mais importante: se possui conhecimento e certificação. E lembre-se que vivemos uma rotina estressante, boletos para pagar, problemas pessoais, etc. Cuide de seu corpo e de sua saúde mental. Tenha carinho com você, pois a busca pelo bem-estar deve ser contínua”, finaliza. 

>> Deixe sua opinião: