Taquara aguarda autorização de ministério para trocar utilização de prédio da UPA

Prefeitura quer abrigar no local centro de especialidades e o Posto 24 Horas.
Publicado em 21/01/2020 16:43 | Atualizado em 23/01/2020 14:42 Off
Por Vinicius Linden

A Prefeitura de Taquara está aguardando uma autorização do Ministério da Saúde para que possa trocar a utilização do prédio da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) 24 Horas. Em vez de utilizar como UPA, a ideia da administração municipal é implantar, no local, o Posto de Saúde 24 Horas e um Centro de Especialidades. Em seu programa semanal na Rádio Taquara, na última sexta-feira (17), o prefeito Tito Lívio Jaeger Filho afirmou que a expectativa era de que a autorização do ministério fosse emitida ainda no final de 2019, o que não ocorreu. Agora, o chefe do Executivo manifestou que espera receber a documentação ainda no começo deste ano, para entregar a obra ainda em seu mandato.

Segundo Tito, este é um assunto que o tem preocupado e a sua postura tem sido vigilante em relação à finalização da obra. O prefeito avaliou que a UPA foi um projeto criado pelo governo federal, que poderia ser a solução para vários municípios, mas não deu certo, pois não atendeu ao propósito inicial e o custo seria inviável à própria União e às prefeituras. Tito disse que aguarda a autorização do ministério para que, então, possa fazer uma nova licitação visando a conclusão da obra, que hoje se encontra paralisada na avenida Sebastião Amoretti.

O prefeito informou, ainda, que o dinheiro remanescente para a construção da UPA terá que ser devolvido, embora não fosse suficiente para completar a obra. Conforme Tito, será necessário a prefeitura colocar recurso próprio para o término da obra, e o prefeito estuda a venda de patrimônio que tem hoje para arcar com este gasto. Sobre as especialidades que busca abrigar na UPA, Tito mencionou as áreas de saúde bucal e do idoso. No Centro, onde hoje funciona o 24 Horas, a prefeitura estuda a abertura de um posto de saúde destinado à comunidade central.

Assista a participação do prefeito Tito na Rádio Taquara:

>> Deixe sua opinião: